sábado, 9 de maio de 2020

IGREJA DOMÉSTICA: A PANDEMIA FAZ CATÓLICOS READAPTAREM COSTUMES PARA MANTER A VIVÊNCIA DA FÉ

Desde o dia 19 de março, os católicos da Arquidiocese da Paraíba vivem a nova realidade de participação virtual nos momentos de celebração. A pandemia do coronavírus impôs uma nova rotina e necessárias adaptações por toda sociedade nos mais diversos setores. Esta realidade é compartilhada por católicos em todo país e em diversas partes do mundo.
Antes da pandemia, era comum acompanhar as Missas transmitidas nas TVs e Rádios, mas, na nova realidade, elas se tornaram a única opção, juntamente com transmissões através das redes sociais. “Sabemos perfeitamente que assistir Missa pela internet ou Tv tem o seu valor, mas a essência da forma adequada do católico participar da Missa consiste naquilo que o Papa Francisco disse recentemente: ‘Esta é a Igreja de uma situação difícil, que o Senhor permite, mas o ideal da Igreja é sempre com o povo e com os sacramentos. Sempre’”, explica o Pe. Marcelo Monte, referencial para o Setor Família da Arquidiocese da Paraíba.
Esta situação, causada pelo isolamento social, é muito nova para todos. A Igreja, que é o lugar do encontro comunitário e vivência de sacramentos, está fechada. Porém, as casas estão cheias de vida e é nelas que os católicos vivem, com maior intensidade, a Igreja Doméstica. “A fé comunitária que celebramos em nossos templos começa primeiramente nos lares domésticos. Não há esquizofrenia entre o Templo e a Igreja da nossa casa”, diz o sacerdote.
Nos lares são montados altares. O espaço onde a família se reúne para comer, assistir ou conversar, se tornou também o espaço de celebrar. Ainda segundo o Pe. Marcelo Monte, as famílias devem aproveitar este momento para transformar a vivência da fé numa oportunidade de estarem cada vez mais unidas. “Os familiares de nossa casa, quando rezam unidos, fazem cumprir aquele ensinamento bíblico: o amor é forte! (Cf. Ct 8,6)”.


COMO CELEBRAR EM FAMÍLIA
Para celebrar no lar, as famílias precisam preparar o ambiente para a dignidade que o momento merece. Há a preparação do ambiente e a preparação pessoal. O Pe. Marcelo deixa as seguintes sugestões: “é importante acender uma vela como sinal da fé que não se apaga num arrumado e simples altar que representa o nosso coração disponível a Deus; convide todos da casa para rezarem juntos”.
Além de assistir as Missas através dos meios e comunicação, as famílias também podem fazer a Celebração da Palavra. Nas redes sociais da Arquidiocese (arquipb), toda semana o subsídio do domingo é disponibilizado gratuitamente em pdf. O material é produzido pela Comissão de Liturgia da Arquidiocese e disponibilizado no instagram, facebook (@arquipb) e também através da Pascom nas paróquias.


Finalizando, o Pe. Marcelo deixa um recado: “o tempo que estamos passando é de muita prova, mas não percamos sequer nenhum segundo nos opondo às permissões de Deus. Acreditamos que, mesmo nos desertos da vida, O Senhor caminha conosco, Ele é o Pai do céu que não retira seu olhar atencioso e misericordioso da terra, lugar que Ele ama bastante”.

*As fotos foram enviadas pelas equipes de Pascom das Paróquias da ArquiPB

fonte: Arquidiocese da Paraíba

SHARE THIS

Author:

Facebook comentário

0 comentários:

Publicidade!

Publicidade!

Veja o Nosso Canal no Youtube

Publicidades

Publicidades

Publicidade!

Publicidade!

Mapa de Acesso da Jampa Jovens

Anuncie Aqui clique e saiba mais...

CLIQUE AQUI E CURTA A NOSSA PAGINA NO FACEBOOK

Facebook da Rádio Jampa Jovens

Direito Reservado a Jampa Jovens LTDA. Tecnologia do Blogger.