terça-feira, 28 de março de 2017

Mensagem de condolências da CNBB

O Secretário-geral da CNBB, Dom Leonardo Steiner, enviou mensagem de condolências ao Administrador Apostólico da Arquidiocese da Paraíba, Dom Genival Saraiva de França, pelo falecimento de Dom Marcelo Pinto Carvalheira, ocorrido nesse sábado, dia 25 de março.



Leia a mensagem:
Brasília, 26 de março de 2017
Caro Administrador Apostólico, Dom Genival Saraiva de França:
A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) manifesta pesar pelo falecimento de Dom Marcelo Pinto Carvalheira, Arcebispo Emérito da Paraíba, ocorrido nesse sábado, 25 de março de 2017, na cidade do Recife (PE).
Dom Carvalheira prestou grandes serviços à nossa Conferência, especialmente nos períodos em que coordenou o Setor Leigos e CEBs e também quando participou da Presidência da CNBB entre 1998 e 2003, quando ocupou a Vice-presidência e colaborou com Dom Jayme Henrique Chemello e o Cardeal Raymundo Damasceno, presidente e secretário-geral, respectivamente.
O Brasil conhece o itinerário de compromisso com os pobres e de fidelidade à Igreja, ao Evangelho e a Jesus Cristo de Dom Marcelo. Como monge beneditino, Bispo Auxiliar da Paraíba, Bispo de Guarabira e Arcebispo da Paraíba, ele sempre esteve presente e atuante nas mais importantes reflexões e ações da Igreja local e na CNBB. Louvamos e agradecemos a Deus pela presença de Dom Marcelo em nossa caminhada eclesial.
Seu lema episcopal, “Evangelizar”, é, ao mesmo tempo, marca da sua vida e missão e legado para todos que estão no seguimento de Cristo Jesus.
Na morte e ressurreição de Dom Marcelo, unimo-nos para rezar pelo senhor, Dom Genival, pelos familiares de Dom Marcelo e pelo povo das Igrejas Particulares por onde ele passou e deixou seu rastro de bondade e de cuidado pastoral.
Dom Leonardo Steiner
Bispo Auxiliar de Brasília (DF)
Secretário-geral da CNBB

sábado, 25 de março de 2017

Morre Dom Marcelo Cavalheira, ex-Arcebispo da Paraíba




Morreu no Recife (PE) na noite deste sábado (25) Dom Marcelo Pinto Carvalheira aos 88 anos, a informação foi confirmada em nota por um sobrinho do mesmo.

Dom Marcelo foi o primeiro Bispo da Diocese de Guarabira e deixou um grande legado a Igreja Católica, homem de muita fé que viveu da simplicidade e da luta pelos mais pobres.

Veja a Nota:
NOTA DE FALECIMENTO! É com muito pesar que informo sobre a morte do nosso grande Arcebispo Emérito da Paraiba DOM MARCELO CARVALHEIRA. A sua morte nos pegou de surpresa e o levou de nós repentinamente. Neste momento de dor e consternação, só nos cabe pedir a Deus que lhe ilumine e lhe dê paz, e que Deus dê conforto à TODOS NÓS para que possam enfrentar esta imensurável dor com serenidade. Agradecemos imensamente o tempo que pudemos conviver com ele, que será sempre lembrado pelo profissionalismo, honestidade, lealdade, inteligência, competência e sensibilidade para lidar com as adversidades e conflitos humanos. Devemos sempre lembrar que Deus quer ao seu lado os melhores, e com certeza o nosso já está ao lado do Senhor cumprindo uma nova missão
A notícia da.Morte já repercutiu. O ex-deputado Rodrigo assim se pronunciou:
- Acabo de receber a noticia de falecimento de nosso querido Arcebispo Emérito da Paraíba D Marcelo Carvalheira
Convivi com D Marcelo quando de sua caminhada pastoral na Paraiba. Participamos das lutas e pastorais sociais na Paraiba e no Nordeste, exercendo a caridade e o apoio na organizacao dos mais pobres, seja na luta estudantil, operaria e pela terra, disse ele acrescentando:
O corpo de dom Marcelo Carvalheira será velado amanhã (domingo), a partir das 10:00 horas, na Catedral da Sé, em Olinda. Haverá missa de corpo presente às 16:00 horas e, em seguida, o corpo seguirá para João Pessoa, na Paraíba, onde será sepultado às 16:00 horas da segunda-feira.

A vida e exemplo de D Marcelo Carvalheira estara sempre entre nós como fermento da luta por um mundo mais justo e fraterno.

fonte: WSCOM

terça-feira, 21 de março de 2017

Copa do Mundo no Vaticano: Brasil está nas quartas de final

Cidade do Vaticano (RV) – O resultado foi decidido nos pênaltis: depois do tempo normal terminar no empate de 1 a 1, o time do Colégio Pio Brasileiro levou vantagem em cima do Vaticano Anselmiano, que perdeu a última cobrança e ajudou o Brasil a conquistar o segundo lugar do grupo D da Clericus Cup, a Copa do Mundo de Futebol do Vaticano. O jogo foi no domingo (20) e a vitória de 4 a 3 garantiu a classificação da equipe canarinho para as quartas de final da competição, com uma rodada de antecedência.
Entre os sacerdotes de diversas partes do mundo que disputam a Copa está a sensação brasileira, xará do craque Neymar, do Barcelona: o Pe. Neimar, camisa 5, do Paraná, se diz ter características diversas do jogador da Seleção pois, ao invés de dribles e gols, o seu forte é a marcação. De fato, o capitão do time chegou a errar uma das cobranças do pênalti, o que não interferiu no resultado final, graças à atuação do goleiro, o Pe. Carlos Gomes.
Em entrevista ao programa Redação SportTV no Brasil, o Pe. Neimar comentou que a competição usa o cartão azul, como sinal de atenção, caso algum jogador “esteja com os ânimos mais acirrados. Quem leva o cartão, fica fora de campo por cinco minutos”, explicou ele. Ao final dos jogos, todos se unem em oração, independente do resultado.
Esse é o 11° ano em que se realiza a Copa do Mundo de Futebol no Vaticano. A melhor performance do time brasileiro foi em 2010 com um terceiro lugar. Neste ano, as 18 equipes são formadas por mais de 400 sacerdotes e seminaristas de 66 nacionalidades diferentes que se encontram em Roma para um período de estudos.
Na quinta-feira (23), na Universidade Gregoriana em Roma, os atletas já estão convocados para participar de uma jornada formativa fora dos campos. Teólogos e preparadores físicos qualificados irão abordar o corpo através da “elevação da alma”, “da experiência cristã” e do seu “treinamento físico”. 
O campeonato, com tabela de resultados, atualizações, notícias, fotos e vídeos, pode ser acompanhado pela página oficial no Facebook ou pelo site www.clericuscup.it. A próxima partida do Colégio Pio Brasileiro é no domingo, 26 de março, contra o Mater Ecclesiae, apenas para cumprir tabela. As quartas de final serão disputadas em 6 de maio.

segunda-feira, 20 de março de 2017

Dom Genival cria “frentes de ação” na Arquidiocese

O Administrador Apostólico da Arquidiocese da Paraíba, Dom Genival Saraiva de França, criou 19 grupos para atuarem em diversas frentes de ação na Arquidiocese da Paraíba. “São equipes em vários campos de trabalho que tem o objetivo de dar formalidade ao que é feito na nossa Igreja, registrando a atual situação funcional de cada área, podendo, assim, planejar ações futuras, facilitando o trabalho pastoral do novo Arcebispo”, explica Dom Genival.
As Equipes de Interlocução Pastoral e de Apoio à Ação Formativa, Evangelizadora e Administrativa da Arquidiocese da Paraíba são (por ordem alfabética): Administração do Seminário (Sapic)/Centro Pastoral; Animação Vocacional; Economato Arquidiocesano; Escola Teológica para Leigos; Estágio Pastoral; Evangelização/Mídia; Evangelização/Religiosidade Popular/Romarias/Procissões; Memória Arquidiocesana; Ministério Diaconal Permanente; Ministério Presbiteral; Novas Comunidades; Propedêutico; Segmento Família; Segmento Juventude; Segmento Social; Seminário Maior (Recife) - Diretores Espirituais; Situações Pastorais e Canônicas Especiais no Ministério Ordenado; Sustentabilidade Pastoral/Dízimo e Vida Consagrada.
Cada equipe tem à frente o Arcebispo nomeado da Paraíba, Dom Delson, um coordenador e mais dois integrantes. A posse de Dom Delson ainda vai ser no dia 20 de maio. Então, Dom Genival já está se reunindo individualmente com as equipes, apresentando a proposta e os encaminhamentos para cada uma e as equipes já estão fazendo reuniões mais ampliadas de trabalho.
Quem já fez esta reunião maior foi a Equipe de Vida Consagrada, que tem como coordenador o Pe. Luiz Antônio de Oliveira, e como integrantes o Pe. Sérgio José de Souza Santos e o Diácono José Gomes Batista. O encontro foi na manhã do dia 11 de março, no Lar da Providência, em João Pessoa. Participaram 54 pessoas de 14 Congregações masculinas e femininas presentes na Arquidiocese da Paraíba.
“Houve uma alegria muito grande de todos por essa iniciativa. A receptividade foi muito boa. Os religiosos sentiram-se incluídos, prestigiados. Abriu-se um diálogo efetivo entre os religiosos e a Arquidiocese”, conta o Pe. Luiz. O evento terminou com um almoço organizado pela Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB) - Núcleo João Pessoa.


Assessoria de Imprensa e Comunicação da Arquidiocese da Paraíba

quinta-feira, 16 de março de 2017

Dom Nelson se Reuni com os integrantes do Colégio de Consultores da Arquidiocese da Paraíba

O Arcebispo nomeado da Paraíba, Dom Frei Manoel Delson Pedreira da Cruz, OFMCap, reuniu-se com os integrantes do Colégio de Consultores da Arquidiocese da Paraíba na manhã desta quarta-feira, dia 15 de março, em Campina Grande (PB).
Fazem parte do Colégio (por ordem de aparição na foto: da esquerda para a direita): Pe. Luiz Antônio de Oliveira, Côn. Mons. Ivônio Cassiano de Oliveira, Côn. Geraldo Magela Christovam, Côn. Dorgival Vicente Ferreira, Côn. Mons. Nereudo Freire Henrique, Côn. José Marcílio Carneiro Cavalcanti e o Mons. Virgílio Bezerra de Almeida (que também é o Vigário Geral da Arquidiocese da Paraíba).
O Colégio dos Consultores é instituído como Órgão Colegiado de Presbíteros. Sua função é prestar colaboração no governo da Arquidiocese, nos assuntos administrativos, econômicos e patrimoniais, envolvendo a natureza jurídica dos mesmos, em conformidade com o Cânon 502 § 1º do Código de Direito Canônico. Os membros do Colégio dos Consultores são constituídos pela autoridade do Arcebispo Metropolitano, com a aceitação explícita destes. O Colégio dos Consultores possui caráter permanente e eminentemente consultivo.
O encontro acontece exatamente uma semana após o anúncio da nomeação feita pelo Papa Francisco do sétimo Arcebispo da Paraíba.
A reunião aconteceu em Campina que é a cidade onde Dom Delson mora e atualmente, até a posse em João Pessoa, está como Administrador Diocesano (Ele era o Bispo da Diocese de Campina e foi transferido para a Arquidiocese da Paraíba - a data da posse está marcada para 20 de maio).

quarta-feira, 8 de março de 2017

Dom Delson é o novo Arcebispo da Paraíba

Dom Frei Manoel Delson Pedreira da Cruz, OFMCap, foi nomeado, nesta quarta-feira, dia 8 de março de 2017, pelo Papa Francisco, o novo Arcebispo Metropolitano da Paraíba. Dom Delson vem transferido da Diocese de Campina Grande (PB), que passa a ficar vacante, ou seja, sem Bispo titular.
Em Carta dirigida a todos da Arquidiocese da Paraíba, o Arcebispo eleito da Paraíba diz: “O Papa Francisco me confiou a responsabilidade de cuidar desta porção do Povo de Deus e eu aceitei. Sei que o novo é sempre surpreendente! Os desafios que enfrentarei são grandes. Eles serão caminhos de crescimento pessoal e oportunidade de servir à Igreja, na tríplice dimensão de ensinar, santificar e apascentar os que estarão sob os meus cuidados”, e afirma: “Creio, firmemente, que Deus é quem me envia para a Arquidiocese da Paraíba. Procurarei fazer sua vontade e ser o Pastor que o Povo precisa e merece. Como cristão, serei vosso irmão, vivendo os compromissos do nosso batismo e a nossa comum filiação divina. Como Arcebispo serei o vosso pastor, colocando-me, como Deus quer, a serviço do vosso crescimento humano, espiritual e moral”.
Leia, a seguir, a Carta completa:
Campina Grande (PB), 08 de março de 2017.
À Arquidiocese da Paraíba,
Seu Administrador Apostólico e Bispo Emérito de Palmares
Dom Genival Saraiva de França,
Aos Presbíteros, Diáconos, Religiosos(as), Seminaristas, Autoridades, colaboradores da Arquidiocese, membros das Pastorais, Movimentos, Serviços e Comunidades Novas, funcionários, e aos fieis da Arquidiocese da Paraíba:
Saúdo a todos, em Cristo Jesus!
Que o Senhor Jesus, neste tempo quaresmal, nos dê a inspiração evangélica para aceitar e cumprir seus desígnios.
Acabo de ser nomeado Arcebispo da Paraíba pelo Papa Francisco, uma vez que a Arquidiocese estava vacante desde a renúncia de Dom Aldo di Cillo Pagotto. Fui escolhido pela Igreja para esta missão. Ao Santo Padre que me nomeou e demonstrou grande confiança em mim, sou muito grato. Sei que o Senhor me acompanha com sua graça e sua proteção.
A Arquidiocese da Paraíba estava necessitando do seu Arcebispo. Havia um anseio muito grande neste período de vacância. O Papa Francisco me confiou a responsabilidade de cuidar desta porção do Povo de Deus e eu aceitei. Sei que o novo é sempre surpreendente! Os desafios que enfrentarei são grandes. Eles serão caminhos de crescimento pessoal e oportunidade de servir à Igreja, na tríplice dimensão de ensinar, santificar e apascentar os que estarão sob os meus cuidados.
A partir de hoje, sou o Arcebispo nomeado da Paraíba e no dia 20 de maio próximo iniciarei o meu ministério frente ao Povo de Deus nesta Arquidiocese centenária.
Conhecendo o Povo Paraibano, sei que sua tradição de fé e sua religiosidade são base de muita esperança. Nós pertencemos a Deus e Ele nos assiste e protege. Estamos todos em suas mãos e nele confiamos. Busquemos, então, sua santa vontade e “tudo nos será dado por acréscimo” (Mateus 6, 33).
A Igreja é Comunidade de pessoas de fé. O Clero é formado de homens de fé! Os movimentos, pastorais, serviços, vida consagrada e comunidades novas são constituídos de pessoas que têm fé e se abandonam nas mãos de Deus, procurando servi-lo. Este servo da Igreja é, também, homem de fé!
Deus Pai nos ama e nos leva pelos seus caminhos quando seguimos firmemente seus ensinamentos, revelados pelo seu Filho Jesus Cristo. Assim, tornamo-nos de verdade discípulos e missionários do Senhor e, em Jesus, filhos queridos do Pai.
“Ide aos meus irmãos” é o meu lema episcopal inspirado no Evangelho de João 20, 17. Desse modo, venho até os meus irmãos da Arquidiocese da Paraíba para me colocar como um irmão. Terei como modelo Nosso Senhor Jesus Cristo, que veio para servir e não para ser servido. Serei vosso irmão! Um irmão que tem a missão de pastorear como Pai e orientar, segundo as indicações da Igreja. Um irmão que quer caminhar junto, ao lado de todos. Meu coração agora é vosso! Participarei da vossa alegria, da vossa esperança, da vossa fé e, também, do vosso sofrimento e das vossas inquietações, procurando colocar tudo sob a luz de Cristo. Ele nos iluminará e guiará nossos passos.
Estou consciente da complexidade da Arquidiocese! Para apascentá-la de acordo com a inspiração de Jesus Cristo, o Bom Pastor, conto com os Presbíteros e Diáconos, meus auxiliares diretos! Conto também com todo o povo querido da Arquidiocese! Preciso do vosso apoio, da vossa disponibilidade, da vossa generosidade, da vossa obediência e fidelidade a Cristo, através da Igreja e deste servidor! Conto também com a atenção dos meus irmãos no Episcopado desta Província Eclesiástica da Paraíba e do nosso Regional Nordeste II da CNBB. Conto com as vossas orações!
Creio, firmemente, que Deus é quem me envia para a Arquidiocese da Paraíba. Procurarei fazer sua vontade e ser o Pastor que o Povo precisa e merece. Como cristão, serei vosso irmão, vivendo os compromissos do nosso batismo e a nossa comum filiação divina. Como Arcebispo serei o vosso pastor, colocando-me, como Deus quer, a serviço do vosso crescimento humano, espiritual e moral.
Que Nossa Senhora das Neves, Mãe e Padroeira da Paraíba, interceda por nós e sempre nos acompanhe com sua terna proteção!
“O Senhor nos abençoe e nos guarde! Volte o seu rosto para nós e de nós tenha misericórdia! Senhor nos dê a paz”. Amém!
Dom Manoel Delson Pedreira da Cruz, OFMCap
Arcebispo eleito da Paraíba

Assessoria de Imprensa e Comunicação da Arquidiocese da Paraíba

sexta-feira, 3 de março de 2017

Quarta-feira de Cinzas e abertura da CF 2017

No dia 1º de março, às 8h30, o Administrador Apostólico da Arquidiocese da Paraíba, Dom Genival Saraiva de França, celebrou a Missa de Cinzas na Igreja Matriz da Paróquia Santo Antônio de Lisboa, no bairro de Tambaú, em João Pessoa. Dom Genival reforçou a necessidade de os católicos praticarem também, neste momento, o jejum espiritual, praticando a caridade. No fim da Missa, o Administrador Apostólico declarou aberta a Campanha da Fraternidade 2017. Ele e o padre responsável pela Campanha na Arquidiocese da Paraíba, o Côn. Egídio de Carvalho Neto, deram entrevistas para falar sobre a CF.

fonte: Arquidiocese da Paraiba
Postagens mais antigas Página inicial

Veja o Nosso Canal no Youtube

Mapa de Acesso da Jampa Jovens

CLIQUE AQUI E CURTA A NOSSA PAGINA NO FACEBOOK

PARCEIROS DA JAMPA JOVENS

Publicidades

Publicidades
Copyright © Jampa jovens | Suporte: Mais Template